TDA/H Transtorno do Déficit de Atenção/Hiperatividade

O TDA/H é um transtorno bastante frequente. Tem sido observado em cerca de 7,8% das crianças, e em torno de 4,8% dos adultos.

Nem sempre é um transtorno benigno. Isoladamente ou associado a outros distúrbios (o que é mais regra que exceção) é um fator altamente predisponente para fracasso nos estudos, dificuldades nos relacionamentos, propensão a acidentes e ao uso de drogas, desempenho profissional abaixo das reais capacidades da pessoa, além de aumentar a predisposição para diversos outros transtornos psiquiátricos.

É uma das principais causas de fracasso e conseqüente abandono escolar.

É o transtorno mais comum em ambulatórios de saúde mental de crianças.
Em ambulatórios de adultos estimativas recentes acreditam que de cada 5 pessoas em tratamento para os mais variados transtornos psiquiátricos, uma apresenta TDA/H ao lado do outro distúrbio.

Esta página se destina a abordar questões ligadas ao Transtorno do Déficit de Atenção/Hiperatividade (TDA/H), e nela você poderá ter acesso a artigos (do autor da página ou de colaboradores), resumos de trabalhos (publicados originalmente em revistas especializadas), indicação de livros, links, notícias sobre encontros dedicados ao tema, etc. Tudo isso com a intenção de divulgar o conhecimento adequado sobre assunto tão importante e freqüente.

Opiniões, dúvidas e sugestões serão sempre bem recebidas. Escreva para sergiobourbon@gmail.com

Somos escravos dos nossos hábitos. Nossa pequena liberdade reside na possibilidade de escolher os hábitos aos quais vamos obedecer, mas isso na verdade é uma tarefa hercúlea.

Os comentários estão encerrados.